domingo, 30 de janeiro de 2011

Ser mãe...


...eu magrela e descabelada indo dar banho no José...

Tenho que confessar que gostaria de poder dedicar mais tempo pra postar aqui... mas tempo é o que menos tenho no momento... e isso tem me incomodado um pouco...

Tem tanta coisa que gosto e sei fazer mas tudo o que me resta é trocar fraldas, dar banho, fazer comida, fazer dormir... trocar fraldas, dar banho, fazer comida, fazer dormir... uff... isso cansa!!! ...rs... por favor não me levem a mau... AMO CADA MOMENTO ao lado do meu pequeno José... mas as vezes da saudade de ser só Jaque...
Esses dias conversando com Deus a respeito da opção que fiz em ser mãe em tempo integral e de como me sinto pressionada muitas vezes pela familia e sociedade por manter essa postura... acabei me deparando com um blog novo: http://www.dolarcristao.blogspot.com
...rs... senti um beijo doce de Deus quando comecei a ler o que a Debora - a dona do blog - havia escrito sobre a nobre missão de ser mãe...

...Deus me lembrou que meu trabalho não é em vão... e mesmo que não seja reconhecido nessa terra, quando Cristo voltar terei o privilégio de ter em meus braços meu menino com a certeza de ter cumprido minha missão! ...em fim enxuguei as lagrimas e voltei a sorrir...



obs: não sou muito fã de poesia... mas como diria a minha vó achei esta muito "propria" pro momento...


Parei

Esposa, amiga e mãe 24 horas...
Fiz um plano com Deus e.... Parei!!!!
Parei de trabalhar fora, mas não em casa.
Parei de sair cedo e chegar tarde.
Parei de trabalhar apenas meio período e me “dividir”.
Parei para amamentar, para ver o primeiro sorriso, para dar a primeira papinha, a primeira frutinha, ver engatinhar, dar o primeiro passo.
Parei para fazer as comidinhas preferidas.
Parei para fazer sucos, bolos e bolachinhas.
Parei para fazer “cultinho” de manhã e à noite.
Parei para curtir as “pracinhas” e “parquinhos”, para balançar e ser balançada.
Parei para ouvir a primeira palavra, a primeira música cantada.
Parei para ir à praia, piscina, sem ter que esperar por domingos e feriados.
Parei para fazer amizade com mães desconhecidas, trocar experiências e dar risadas.
Parei para brincar de carrinho, boneca, entrar na piscina de bolinhas.
Parei para ir ao pula-pula, sair para tomar sorvete e me lambuzar com eles.
Parei para lavar louça junto com meus filhos; ver a alegria no rostinho deles ao ajudar a mamãe a fazer pão...
Parei para ensinar a arrumar a cama, dobrar as roupas e guardar os brinquedos.
Parei para mostrar Jesus em tempo integral. Pois, cedo ou tarde, os filhos crescem e vão embora e o que eu fizer como mãe perdurará por toda vida.
Parei!!!!
Fácil? Não é.
Falhas? Sim. Todos temos.
Mas... “Tudo posso nAquele que me fortalece.”
E guardo no meu coração a certeza de que Deus está no controle.
E cuidará dos meus filhos.
(por Joélia retirado do http://dolarcristao.blogspot.com)

2 comentários:

  1. Ótima idéia a do blog prima. Tá ficando muito legal! Sempre que der passarei por aqui pra abrir algumas das tuas tantas caixas fabulosas. Quanto ao fato de ser mãe, não é por acaso que o José é tão especial: tem uma super mãe a incentivá-lo e estimulá-lo a todo tempo. E isso não tem preço nem tempo que pague.
    Um grande beijo! Aninha

    ResponderExcluir